Fitoterapia

Fitoterapia Chinesa é uma das componentes de Medicina Tradicional Chinesa. As plantas medicinais têm sido utilizadas na China há séculos e o seu uso é suportado por uma longa e rica história de desenvolvimento, utilização e investigação. Após o diagnóstico de um padrão de desarmonia e da administração de tratamentos com acupunctura, o Terapeuta de MTC, indica muitas vezes uma ou mais fórmulas à base de plantas. A característica única da Fitoterapia chinesa é a forma como a fórmula é preparada. Noutras combinações de ervas medicinais especialmente as ocidentais, as ervas são frequentemente entregues separadamente ou combinadas em quantidades muito pequenas de ervas com a mesma função. Em contraste, a medicina chinesa raramente prescreve uma única erva para tratar uma situação. Em vez disso criam-se fórmulas. A fórmula geralmente contém, entre pelo menos, quatro a vinte ervas. Fórmulas à base de plantas podem ser disponibilizadas em diversos modos de preparação. Diversas fórmulas estão disponíveis em comprimidos, cápsulas, gotas, etc.

A maioria dessas fórmulas são muito convenientes, pois não necessitam de preparação do paciente e são facilmente ingeridas. Estes suplementos à base de plantas funcionam em conjunto com a acupunctura, fornecendo um importante suporte alimentar para a “reprogramação energética” e o “reequilibrar” das energias a partir dos tratamentos da acupunctura. Por diversas razões alguns pacientes cometem o erro de não dar importância à toma da fitoterapia, o que constitui um grave erro podendo atrasar ou reduzir em muito os efeitos do tratamento prescrito.