Paralisia de Bell e a Medicina Tradicional Chinesa

A paralisia de Bell é uma anomalia do nervo facial caracterizada por causar de forma repentina debilidade ou paralisia dos músculos de um lado da cara, esta condição pode afetar pessoas de qualquer idade.

O nervo facial é o nervo craniano que estimula os músculos da face, no entanto embora se desconheça a causa da paralisia de Bell, supõe-se que no seu mecanismo participe uma inflamação do nervo facial como resposta a uma infeção viral, a uma compressão ou a uma falta de irrigação sanguínea nesta parte do corpo.

Para a grande maioria das pessoas, a paralisia de Bell é temporária e raramente ocorre duas vezes na mesma pessoa. Os sintomas geralmente começam a melhorar dentro de algumas semanas, com recuperação completa em cerca de seis meses. Apenas um pequeno número de pessoas continua a ter sintomas da paralisia durante toda a vida.

Embora não seja conhecida a causa exata da paralisia de Bell a sua ocorrência tem uma forte ligação com infeções virais. Isso porque essas infeções podem fazer com que o nervo facial fique inchado e inflamado, interferindo no seu correto funcionamento. Os seguintes vírus são comumente associados a esta patologia:

  • Herpes labial e herpes genital
  • Varicela
  • Herpes-zóster
  • Mononucleose  (Epstein-Barr)
  • Infeções por citomegalovírus
  • Doenças respiratórias por adenovírus
  • Rubéola
  • Papeira
  • Gripe  (influenza B)
  • Síndrome mão-pé-boca.

Além do que apresentámos anteriormente, o risco de desenvolver paralisia de Bell é maior em pessoas que tem diabetes, estão grávidas, tem alguma infeção renal ou uma predisposição genética para esta patologia.

A fraqueza da face é o principal sintoma desta patologia, e costuma afetar apenas um lado do rosto. Essa fraqueza ou paralisia normalmente é súbita, demorando poucas horas ou menos para se instalar completamente. Pode tornar-se progressivamente pior ao longo de vários dias. Os efeitos da fraqueza variam, dependendo se o nervo é parcialmente ou totalmente afetado, no entanto os principais sintomas são:

  • O rosto fica inclinado para um lado, e quando sorri, apenas metade do rosto pode se mover;
  • Mastigar alimentos no lado afetado pode ser um problema, pois os alimentos podem ficar presos entre a gengiva e bochecha;
  • Bebidas e saliva podem escapar pela boca do lado afetado sem que se dê conta;
  • Pode não ser capaz de fechar um olho e isso pode causar aumento na produção de lágrimas ou então olho seco;
  • Pode não ser capaz de enrugar a testa, assobiar ou assoprar;
  • Pode ter alguma dificuldade em falar.

É comum os sintomas da paralisia de Bell melhorarem sem qualquer tratamento, no entanto pode levar várias semanas ou meses para os músculos do rosto ficarem totalmente recuperados. Os tratamentos aplicados são à base de medicamentos, analgésicos, fisioterapia, e cirurgia em casos mais graves.

Paralisia de Bell e a Medicina Tradicional Chinesa

Na Medicina Chinesa a paralisia facial com desvio da boca ou do olho está associada com invasão dos canais da face pelo Vento Frio, ou seja, com uma falta de energia no corpo.

Uma vez que cada caso de paralisia de Bell é único, é de uma importância extrema a realização de um diagnóstico correto por parte de um especialista, de forma a poder ser realizado um tratamento adequado. O mesmo pode ser realizado através de acupuntura (está provado que a mesma é muito útil no tratamento desta patologia, uma vez que permite a redução de produtos farmacológicos, e um menor tempo de tratamento), fitoterapia e moxabustão.

É importante recorrer a estas técnicas o mais rápido possível, pois a eficácia da acupunctura e o tempo de tratamento, vão depender muito do tempo ocorrido entre o episódio de paralisia facial e o início dos tratamentos. Se possível recorra às técnicas de medicina chinesa antes de tomar medicamentos que possam ter uma duração de toma bastante elevada (uma vez que a medicina tradicional chinesa é realizada tendo por base apenas produtos e técnicas naturais).

Se sofre de paralisia de Bell ou qualquer patologia associada, e se conhece alguém que sofre da mesma, não espere mais. A Medicina Chinesa poderá ajudar no seu tratamento. Solicite-nos um contacto para o nº 243997479 ou por email: geral@tiandiren.pt.